Google+ Followers

quinta-feira, 8 de abril de 2010

JANE

Por que desejar
o poder dos czares,
se Jane me come
assim como eu fosse
a pura delícia?
Por que a fortuna
dos grandes banqueiros,
se Jane me bebe
tal como bebesse
o suco da manga?

Por que ter a fama
dos grandes guerreiros,
se Jane me lambe
assim qual quisesse
me gastar por inteiro?

Por que almejar
um trono de rei,
se como a menina
tal como comesse
divino manjar?

Por que invejar
os homens famosos,
se bebo essa musa
bem como bebesse
a própria ambrosia?

Por que ter o nome
nas ruas e praças,
se lambo essa moça
tal como lambesse
o mel entre o dedos?

Que mais quereria,
se todas as noites,
ao fim da jornada
apóio a cabeço
no peito de Jane,
e ela me abraça
assim qual quisesse
me guardar para sempre?

2010

Nenhum comentário: