Google+ Followers

sábado, 8 de setembro de 2007

AMOR DE ESTAÇÃO

Não te sintas jamais senhora absoluta de um poeta;
não me sintas atado à tua pele, à tua boca:
eu te amarei durante os dias de outono,
e amarei Marina pelos meses frios de inverno,
e Maria Rosa por toda a primavera...


Contudo, fique certa como de que os dias anoitecem:
eu te amarei com a intensidade dos sóis de verão.


1996
Revisto e modificado em 2017

Nenhum comentário: